ACESSE SUA ÁREA

Esqueceu a senha?

Araraquara, Sábado, 05 de Dezembro de 2020

29/10/2020 | 22:12:33

Córrego Água Branca passa por recuperação ambiental

Prefeito Edinho participou de plantio de mudas em mata ciliar no Jardim Dumont

Córrego Água Branca passa por recuperação ambiental
Na manhã desta quinta-feira (29), o prefeito Edinho Silva foi até a Rua Dr. Jorge Bedran, no Jardim Dumont, onde participou do ato de plantio de mil mudas de árvores nativas na área de proteção permanente da nascente modelo do Córrego Água Branca.
 
O córrego é afluente do Ribeirão do Ouro e está localizado na zona leste do município, entre os bairros Jardim Dumont e Cruzeiro do Sul. Sua nascente é considerada modelo por não ser degradada, apesar do uso, muitas vezes indevido. 
 
O prefeito valorizou a iniciativa. "É mais uma ação de recuperação ambiental importante da nossa cidade. É um mutirão de plantio de mil mudas para recuperarmos a mata ciliar, que é a mata que protege o córrego. Além de ser uma medida prática de recuperação do córrego, é uma ação que também tem a simbologia educacional", explicou Edinho.
 
O prefeito lembrou de sua visita ao Parque do Basalto na última quarta-feira (28), um dia após o incêndio criminoso que resultou em mais de mil metros quadrados de área consumida pelo fogo. "Ontem, infelizmente, estávamos lá no Parque do Basalto lamentando uma ação de destruição provocada por um incêndio criminoso, portanto um incêndio proposital. A Guarda Municipal está investigando, fazendo um trabalho sério de investigação, para que a gente chegue ao autor ou aos autores. A Guarda está investigando se foi uma ação isolada ou se é de um grupo que, de forma deliberada, provocou o incêndio. Nós estávamos lá e vamos recuperar aquela área queimada, como recuperamos o Pinheirinho", assegurou.
 
Para Edinho, a qualidade de vida da população está diretamente ligada às condições do meio ambiente. "Aqui estamos mostrando que, ao invés de colocarmos fogo e destruir a natureza, nós temos que plantar árvores, recuperarmos a nossa natureza, para que a nossa cidade cresça com qualidade de vida, respeitando o meio ambiente. Essa é uma ação que o Município já teve e está tendo para recuperarmos os nossos recursos naturais, os córregos, as nossas represas", finalizou o prefeito. 
 
Edinho visitou o local acompanhado de Edio Lopes e Paulo Landim (vereadores do PT) , Donizete Simioni (superintendente do Daae), Katia Matteo (diretora de Gestão Ambiental do Daae), Ana Carolina Marcondelli  (presidente do Comdema - Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente) e José Walter Figueiredo Silva (da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Governo do Estado e coordenador do programa Município Verde Azul).
 
Ações no Córrego Água Branca
 
No atual mandato de Edinho, o Córrego Água Branca passou por diversas ações de recuperação do Daae, como a desocupação dos espaços pertencentes à Área de Preservação Permanente (APP) que estavam indevidamente ocupados, limpeza, início do calçamento no entorno de toda a APP e a implantação de trilhas eco-educativas à nascente modelo.
 
Além disso, outras ações estão previstas para o local, que além das mil mudas plantadas nesta quinta, contará com o plantio de outras 3 mil mudas. Serão plantadas mudas de goiaba, dedaleiro, ingá, ipê roxo, aroeira, paineira, eritrina e pata de vaca. O local também terá cercamento de toda a área e a instalação de uma praça sustentável em área contígua, que contará com um portal de acesso para a trilha da nascente.
 
Investimento em meio ambiente
 
Em sua atual gestão à frente da Prefeitura, Edinho investiu mais de R$ 66 milhões em obras de meio ambiente. Entre as principais ações nessa área estão a construção da bacia de contenção da represa de captação das Cruzes, o desassoreamento da represa de captação do Paiol, a retirada de vegetação aquática da represa do Córrego Lajeado, a retirada de vegetação aquática da represa de captação das Anhumas (em parceria com a Usina Santa Cruz), a revitalização do Parque do Basalto, a revitalização da Área de Preservação Permanente do Córrego do Tanquinho, a revitalização da Área de Preservação Permanente do Córrego Pinheirinho, a construção de dois novos Pontos de Entrega de Entulhos e Volumosos e um Ponto de Entrega da Comunidade, a aquisição e fundação de balança rodoviária na Estação de Tratamento de Resíduos Sólidos e a construção de muro na área de triagem e transbordo dos resíduos da construção civil.
 
O Araraquara possui 18 metros quadrados de área verde por habitante, enquanto a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda 12 metros quadrados. A cidade também conquistou, pelo segundo ano consecutivo, o certificado Município VerdeAzul, avaliação da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente sobre a eficiência da gestão ambiental dos municípios paulistas.
Visite a página do site FolhaCidade no Facebook

COMENTÁRIOS

Comentar

Máximo de caracteres: 200

|   Caracteres digitados:

Comentar

Para poder comentar, cadastre-se.

Se j?for cadastrado, ?s?

FACEBOOK

Publicidade

Tl: (16) 3332-5307 / 99727-0985 (site)


(16) 3332-3626 / 99743-2822 (jornal)

contato@folhacidade.com.br

Copyright © 2005/2017 - folhacidade.net. Todos os Direitos são Reservados