ACESSE SUA ÁREA

Esqueceu a senha?

Araraquara, Sábado, 25 de Novembro de 2017

31/01/2014 | 02:19:12

Estreia de respeito. E com respeito

Em sua primeira participação na Copa do Brasil, cujo campeão vai à Libertadores da América, Ferroviária/Fundesport começa competição – e temporada – como terminou 2013: muito bem organizada em campo, jogando para frente e convencendo. Com o placar de ontem, 14 a 0 diante do União (AL), Guerreiras Grenás estão próximas da segunda fase 

Se o time da Ferroviária/Fundesport estava diferente na escalação em sua primeira aparição na temporada 2014 – e na Copa do Brasil, torneio que disputa pela primeira vez –, as principais características exibidas no ano passado foram mantidas: posicionamento compacto, valorização da posse de bola, movimentação intensa, volume na criação de jogadas e agressividade no ataque. 

A dupla de zaga de 2013 – Tayla e Mônica –, que, segundo o técnico afeano Douglas Onça, tem nível de seleção brasileira, foi destacada para outras funções. Tayla jogou de volante e Mônica, canhota, de lateral-esquerda. A zaga foi formada por Géssica e Marina, remanescentes da temporada passada, quando a Ferroviária saiu invicta das 25 partidas que disputou. 

Maurine, ex-São Caetano, formou o meio-campo com Tayla, Bia e Adriane Nenê. E Paula atuou com Ludmila no setor ofensivo. 

“Ainda é cedo para falar em time titular. A Raquel [artilheira do Paulista de 2013 com 22 gols] está contundida, retorna em breve. A Patrícia e a Rafaela, que chegaram agora e entraram no segundo tempo, demonstraram bastante qualidade. E até a nossa Tábata está voltando [revelada pela base, a meia se lesionou na primeira partida da Ferroviária no ano passado, em Franca, no empate em 2 a 2 – ela anotou o gol que igualou o marcador – e não jogou mais em 2013]”, comentou Onça ao término da partida. 

Os mais de 600 torcedores que compareceram ontem à noite à Arena da Fonte saíram, mais do que satisfeitos com o placar – 14 a 0, diante do União (AL), convictos de que campanhas promissoras serão novamente possíveis em 2014. Além da Copa do Brasil, a Ferroviária disputará o Campeonato Paulista, os Jogos Regionais (em Araraquara) e os Jogos Abertos (em Bauru). 

Paula, duas vezes, Adriane Nenê, Ludmila, Daiane (falta) e Bia anotaram os seis gols das Guerreiras Grenás no primeiro tempo. Patrícia, duas vezes, Adriane Nenê (de pênalti, sofrido por Ludmila), Rafaela Travalão, Tayla, Ludmila (duas vezes) e Tamara fizeram os oito gols da etapa complementar. 

No intervalo, Onça sacou Maurine e Paula – ainda em fase de evolução de condicionamento físico – e mandou a campo Patrícia e Rafaela Travalão. No meio do período, o técnico tirou Daiane e colocou Tamara. 

Apesar do placar dilatado, Onça destacou a seriedade de sua equipe e a determinação do adversário. “Respeito é quando você faz o seu trabalho, independente das circunstâncias. As meninas do União correram o tempo inteiro, não apelaram. E nós fizemos no jogo o que fazemos nos treinamentos”. 

Para o técnico do União, Davi Silva, professor de educação física da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), em Maceió, o gol sofrido logo no início, antes dos cinco minutos, afetou o time do Nordeste. “É claro que existe uma disparidade, as atletas da Ferroviária são profissionais, enquanto as do União são amadoras – ou são estudantes ou têm outras atividades econômicas como fonte de renda. Mas nossa ideia era segurar os 15 primeiros minutos. Não deu”. 

Silva disse ainda que a fragilidade do campeonato estadual impede o desenvolvimento do futebol feminino em Alagoas. “Em 2013, quatro equipes disputaram o Alagoano. Mesmo assim, temos expectativas positivas em relação a algumas jogadoras, como a Ingrid [de 16 anos, que entrou no segundo tempo]”. 

Por ter atuado como mandante – seguindo os critérios da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) –, a goleada não elimina o jogo de volta, marcado para quarta-feira que vem (5), às 20h30, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Se avançar às oitavas de final, a Ferroviária enfrenta o vencedor do confronto entre Sport (PE) e Bahia (BA) – a partida de ida vai ser disputada amanhã, às 20h30, no Estádio Pituaçu, em Salvador. 

FICHA TÉCNICA 

Ferroviária/Fundesport 14 x 0 União (AL)

Arena da Fonte | Araraquara-SP | 29/01/14 

Ferroviária/Fundesport: Luciana; Daiane (Tamara), Géssica, Marina e Mônica; Tayla, Bia, Maurine (Patrícia) e Adriane Nenê; Ludmila e Paula (Rafaela Travalão). Técnico: Douglas Onça. 

União (AL): Ana (Elisa); Luana, Wytala, Neguinha e Adriane (Simone); Graziela, Marciana, Valquíria e Aline; Jéssica e Maiara (Ingrid). Técnico: Davi Silva. 

Gols: Ludmila (3), Paula (2), Adriane Nenê (2), Patrícia (2), Daiane, Bia, Rafaela Travalão, Tayla e Tamara. 

Cartão amarelo: Mônica (F) e Jéssica (U)

 

Visite a página do site FolhaCidade no Facebook

COMENTÁRIOS

Comentar

Máximo de caracteres: 200

|   Caracteres digitados:

Comentar

Para poder comentar, cadastre-se.

Se já for cadastrado, é só

FACEBOOK

Publicidade

Tl: (16) 3332-5307 / 99727-0985 (site)


(16) 3332-3626 / 99743-2822 (jornal)

contato@folhacidade.com.br

Copyright © 2005/2017 - folhacidade.net. Todos os Direitos são Reservados