ACESSE SUA ÁREA

Esqueceu a senha?

Araraquara, Domingo, 27 de Maio de 2018

01/02/2018 | 21:29:13

Mutirão antidengue recolhe 7 toneladas de descartáveis

Equipes da Gerência de Controle de Vetores continuam atuando em Araraquara no combate diário aos criadouros do Aedes aegypti

Mutirão antidengue recolhe 7 toneladas de descartáveis

O grupo de cem pessoas da Prefeitura que atuou no último sábado (dia 28) no Mutirão contra a Dengue, na região do Jardim Valle Verde, recolheu mais de sete toneladas de materiais descartáveis, como pneus velhos, copos e garrafas vazias, entre outros inservíveis. 

Esses produtos quando acumulam água das chuvas se tornam potenciais criadouros do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya. Por isso, os agentes mantêm uma série de ações cotidianas contra a proliferação do mosquito. 

Afora o contingente de pessoal, o mutirão envolveu oito caminhões, dois ônibus, cinco pickups e quatro peruas Kombi, além de viaturas do setor de Controle de Vetores. No total, foram recolhidos 7.330 quilos de materiais inservíveis. 

Segundo Luis Eduardo Tagliacozzo, gerente de Controle de Vetores da Vigilância em Saúde (ligada à Secretaria Municipal da Saúde), o balanço sobre o mutirão foi positivo já que a população colaborou com os agentes no recolhimento dos produtos. 

Porém, Tagliacozzo reforça o alerta: “Essa colaboração tem que ser constante para que os quintais continuem limpos e livres desses materiais que possibilitam os criadouros do Aedes”.

 

Ações cotidianas 

Paralelamente ao mutirão, os agentes de Controle de Vetores continuam atuando em Araraquara onde surgem casos suspeitos de dengue. 

A equipe de nebulização providencia a aplicação de inseticida no bairro em que é confirmado o caso, ao mesmo tempo em que o grupo de Educação em Saúde (IEC) realiza feiras educativas, ministra palestras e intensifica ações em clubes e em hiper mercados da cidade alertando sobre os criadouros. 

A Gerência de Controle de Vetores também age em parceria com as equipes do programa Saúde da Família, oferecendo apoio aos agentes comunitários de Saúde no controle aos criadouros do mosquito. 

A partir de reclamações e denúncias da população sobre casas fechadas ou abandonadas e terrenos baldios, é feito o trabalho de atendimento pela equipe de notificação. As vistorias são agendadas e, em casos extremos, de não colaboração, os proprietários acabam notificados e multados pela Prefeitura. 

Além disso, as equipes que atuam em pontos estratégicos, como borracharias e ferros velhos, e a de imóveis especiais, como escolas, hospitais e grandes empresas, também dão orientação e vistoriam os locais. “São locais considerados de grande importância para as ações por conta da circulação de muitas pessoas”, diz Eduardo.

 

Reforço 

Ainda de acordo com Luis Eduardo Tagliacozzo, o governo do prefeito Edinho tem investido no setor e a Gerência de Controle de Vetores se empenha para atender a todas as demandas na cidade. 

Neste período de chuvas, além dos produtos inservíveis, também é importante a população ficar atenta sobre calhas entupidas, fazer a limpeza da caixa d’água e observar a caixa na parte inferior atrás da geladeira, que acumula água em degelo.

Visite a página do site FolhaCidade no Facebook

COMENTÁRIOS

Comentar

Máximo de caracteres: 200

|   Caracteres digitados:

Comentar

Para poder comentar, cadastre-se.

Se já for cadastrado, é só

Publicidade

FACEBOOK

Publicidade

Tl: (16) 3332-5307 / 99727-0985 (site)


(16) 3332-3626 / 99743-2822 (jornal)

contato@folhacidade.com.br

Copyright © 2005/2017 - folhacidade.net. Todos os Direitos são Reservados